Ir para a página inicial

 

Intervenção de Francisco Almeida, na apresentação da lista da CDU, pelo distrito de Viseu

Viseu, Parque Aquilino Ribeiro, 25 de Agosto

 

Obrigado pela vossa presença.

Obrigado ao camarada António Filipe que aqui se deslocou

 

Aqui estamos homens e mulheres candidatos da CDU assumindo dois compromissos com o povo do distrito de Viseu.

 

Na Assembleia da República e fora dela vamos continuar a luta contra as políticas de direita que empobreceram e empobrecem os trabalhadores e as famílias e estão a desgraçar o país.

Compromisso com a luta por uma política alternativa, patriótica e de esquerda capaz de dar resposta aos principais problemas do País e às aspirações dos trabalhadores e do povo. Uma política que inverta o rumo de injustiças, desigualdades e exploração, e que inscreva como objetivos a elevação das condições de vida, dos salários, pensões e apoios sociais, o crescimento económico e o emprego, a valorização da produção nacional, a concretização dos direitos sociais. Uma política de defesa do Serviço Nacional de Saúde, da Escola Pública, da Segurança Social, do direito à cultura. Uma política fiscal que desagrave a carga sobre os rendimentos dos trabalhadores e das micro, pequenas e médias empresas e tribute fortemente os rendimentos e o património do grande capital, os lucros e a especulação financeira. Uma política em defesa do regime democrático e de combate à corrupção. Uma política que assuma a necessidade da renegociação da dívida e recupere para o controlo público as empresas e sectores estratégicos. Uma política que, sem hesitações, coloque os interesses de Portugal e do povo à frente da submissão ao Euro, da União Europeia e do capital monopolista, que afirme o direito do País a um desenvolvimento soberano.

Compromisso com a força do povo por um Portugal com futuro.

 

O segundo compromisso é o de continuar o combate pelo desenvolvimento do nosso distrito.

Sim …porque quando, no dia 4 de Outubro, cada um colocar a cruz no boletim de voto está a eleger os deputados do seu distrito.

 

Esse compromisso com a luta pelo desenvolvimento do distrito de Viseu inclui necessariamente:

 

  1. A defesa de serviços públicos de qualidade que respondam às necessidades das populações, especialmente os idosos e pessoas com deficiência. Para a CDU, a educação, a saúde, a segurança social, a justiça e a administração local, entre outros, são funções essenciais do Estado. Todos os caminhos que conduzam à privatização dos serviços públicos merecerão firme combate dos partidos que constituem a CDU (o PCP e Os Verdes);

 

  1. A luta pela criação da Universidade Pública de Viseu. O que o governo PSD/CDS está fazer aos Institutos Politécnicos quase os transformando em grandes escolas profissionais dá ainda mais razão a este combate.  Lutaremos pelo aumento da oferta de cursos nas escolas do ensino secundário e defenderemos que este ciclo de escolaridade seja criado em todas as sedes de concelho do nosso distrito. Vamos bater-nos por um forte investimento na melhoria das condições de trabalho e estudo nas nossas escolas – não é só na cidade de Viseu que existem escolas a necessitar de requalificação. E já agora … o ministro da educação esteve por cá para assinar uns protocolos para a realização de obras em duas escolas. Pura operação de campanha leitoral. Quando começam essas obras ?  Talvez daqui a quase um ano… mas de forma conveniente para a coligação PSD/CDS a coisa começa com umas assinaturas em véspera das eleições.

Combateremos a municipalização da educação;

 

  1. Vamos continuar a luta contras as portagens na A25 e na A24, em defesa de melhores acessibilidades em todo o distrito, nomeadamente a ligação ferroviária de Viseu à Linha da Beira Alta, um acesso condigno da cidade de Lamego à A24, novas estradas que liguem Cinfães e Resende à autoestrada A4 e à A24, a construção do IC26 ligando Moimenta da Beira, Tarouca, Sernancelhe e Armamar à A25 e A24. Vamos bater-nos por uma ligação em autoestrada Viseu-Coimbra sem portagens;

 

 

  1. Continuaremos na primeira linha do combate em defesa de um matadouro público para Viseu e da Casa do Douro, dos pequenos e médios agricultores e da agricultura familiar, da floresta, dos produtos agrícolas com denominação de origem no nosso distrito, dos baldios como património das populações e de uma eficaz política de prevenção dos fogos florestais;

 

  1. Ao lado das populações e na Assembleia da República, combateremos o encerramento de serviços de saúde e a colocação de mais médicos e enfermeiros nestes serviços;

 

  1. Os estudantes podem continuar a contar com os partidos que integram a CDU para combater as propinas, defender a concretização e o alargamento da acção social escolar, nomeadamente com a instalação de mais residências e cantinas. Continuaremos a defender uma escola pública gratuita e de qualidade para todos;

 

  1. Estaremos sempre contra a privatização da água e em defesa do meio ambiente, nomeadamente lutando pela recuperação das zonas onde estiveram instaladas explorações de urânio e a despoluição definitiva de vários rios e cursos de água;

 

8.      Continuaremos a defender os interesses do comércio tradicional, a necessidade de incentivos à plena ocupação e desenvolvimento dos parques industriais existentes no distrito e a criação de programas de apoio ao desenvolvimento do turismo que muitas potencialidades oferece na nossa região;

 

 

Vamos continuar a travar o combate por uma política com soluções para uma vida melhor, num Portugal com futuro.

Está nas mãos de cada um dar mais força à exigência de um outro caminho para Portugal. Está nas mãos de cada um contribuir não só para confirmar a derrota da coligação PSD/CDS como também contribuir para a derrota da política de direita.

Está nas mãos de todos e de cada um dar mais força à CDU, dar mais força a quem esteve e estará sempre ao lado dos trabalhadores e do povo, a quem não trai o voto que lhe é confiado, a quem é reconhecido pelo seu trabalho, honestidade e competência. Cada voto a mais na CDU, cada deputado a mais eleito pela CDU é um voto a menos e um deputado a menos naqueles partidos que são responsáveis por esta política que nos últimos 39 anos tem roubado direitos e rendimentos.

 

Os candidatos da CDU (PCP.PEV) são conhecidos pela sua empenhada intervenção cívica e social.

 

Os homens e mulheres da lista da CDU estiveram sempre na luta em defesa dos seus direitos e defendendo a nossa terra.

 

É por isso que afirmamos que é importante eleger deputados da CDU no distrito de Viseu.

O nosso distrito precisa da voz da CDU na Assembleia da República.

 

Estivemos sempre com o povo do distrito de Viseu na luta por uma vida melhor e na defesa da nossa terra.

 

Precisamos agora do voto dos eleitores do distrito para continuar essa luta  !

 

Com toda a confiança, dia 4 de Outubro, o voto que conta para uma vida melhor é na CDU – Coligação Democrática Unitária – PCP-PEV

   

.